Dez livros que me marcaram

Faz dia 15 de Abril nove anos que começou o KMOL. Ao longo destes anos, foram muitos os livros que li e sobre os quais partilhei a minha opinião. Como seria de esperar, gostei mais de uns do que de outros. Hoje gostaria de aqui deixar uma lista dos livros que li e que mais me marcaram (por ordem cronológica de publicação).

  1. The Knowledge Management Fieldbook (Ruth L. Williams e Wendi R. Bukowitz, 1999)
  2. Common Knowledge: How Companies Thrive by Sharing What They Know (Nancy Dixon, 2000)
  3. The Tipping Point: How Little Things Can Make a Big Different (Malcolm Gladwell, 2000)
  4. Realizing the Promise of Corporate Portals: Leveraging Knowledge for Business Success (Cindy Gordon e José Cláudio Terra, 2003)
  5. Leveraging Communities of Practice for Strategic Advantage (Hubert Saint-Onge, 2003)
  6. Gestão do Conhecimento: a Chave para o Sucesso Empresarial (José Renato Sátiro Santiago Jr., 2004)
  7. The Hidden Power of Social Networks: Understanding How Work Really Gets Done in Organizations Systems (Rob Cross e Andrew Parker, 2004)
  8. The Executive's Role in Knowledge Management (Carla O'Dell, 2004)
  9. Wikinomics: a Nova Economia das Multidões Inteligentes (Don Tapscott e Anthony D. Williams, 2007)
  10. Wikipatterns: a Practical Guide to Improving Productivity and Collaboration in your Organization (Stewart Mader, 2008)

Para terminar, tenho que deixar uma ressalva. Os livros que hoje nos marcam, podem-nos passar indiferentes amanhã; e o mesmo acontece com o contrário.

Boas leituras!

5 comments

  1. Ricardo MF 22 Março, 2010 at 17:53 Responder

    Boa tarde,

    gostaria de lhe perguntar quais são os livros essenciais a consultar sobre Modelos de Gestão de Conhecimento.

    Aproveito e alargo esta questão para saber se:

    – algum destes livros está disponivel gratuitamente online

    – qual o melhor local (livraria ou site) para os adquirir

    – Sites, artigos académicos, etc… também imprescindíveis que abordem os modelos de GC.

    Obrigado pelas indicações.

  2. Ferdinand 3 Fevereiro, 2011 at 12:33 Responder

    Ana

    Apenas no paper do Spender ( Making Knowledge the Basis of a Dynamic Theory of the Firm) vejo uma breve referência ao que acho fundamental em KM (GC). Ele refrencia o trabalho de James (1950) e apresentando diferentes formas de Knowledge, comenta “Shrewdness or cunning ( metis)”.

    Sim “esperteza, sagacidade, inteligência” estes são componentes principais da KM(GC).

    Os livros do Nassim Nicholas Taleb discorrem sobre este aspecto, apesar de não serem específicos para KM, são só fundamentais!

    Leiam, aliás, saboreiem o saber iluminado do Taleb em:

    Fooled by Randomness- The Hidden Role of Chance in Life and in the Markets.

    The Black Swan- The Impact of Highly Improbale

    The Bed of Procrustes – Philosophical and Practical Aphorisms.

Leave a reply